Dom Rodrigo

24 Abr

História:

É o doce considerado rei do Algarve. Está em qualquer vitrina das melhores doçarias da região, e tem como história original, a de que o nome vem de um frade de um mosteiro em Lagos, responsável pela receita original do doce, que idealizou uma mistura perfeita de fios, doce de ovos, miolo de amêndoa, canela e açúcar, que depois é embrulhada em papéis coloridos característicos desse doce.

Receita:

Ingredientes:

  • 250 grs de fios de ovos ;
  • 50 grs de miolo de amêndoa ralada ;
  • 250 grs de açúcar ;
  • meio dl de água ;
  • 4 gemas ;
  • canela q.b.

Preparação:

Num tacho coloque 200 grs de açúcar coberto de água e leve ao lume até formar ponto de pérola. Retire do lume e misture a amêndoa. Deixe que fique morno, junte as gemas e leve novamente ao lume, mexendo até engrossar. Polvilhe com um pouco de canela. Com o restante açúcar e água faça uma calda em ponto de fio. Numa frigideira coloca-se a calda e leva-se ao lume. Quando ferver, deitam-se os fios de ovos e, sobre estes,  mistura feita anteriormente com o açúcar, amêndoa e as gemas. Com a ajuda de duas espátulas, enrolam-se os fios de ovos em torno do recheio, envolvendo-o completamente. Deixe alourar e retire da frigideira. Corte 6 quadrados de folha de estanho prateado ou colorido. Separe a preparação em quantidades iguais pelos 6 quadrados de estanho, una as quatro pontas de cada quadrado e enrole-as.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: