Filhós

12 Mar

História

Hoje esta iguaria é um artigo banal em qualquer pastelaria, mas há 50 anos era difícil de fazer. Pouco se sabe sobre como surgiu este doce, mas todos concordam que, antigamente no mundo rural, para quem lavrava a terra que nem lhe pertencia, era muito difícil conseguir o azeite e a farinha com os quais preparavam as filhoses. No passado, era normal as pessoas amealharem azeitonas dos olivais sem guarda ou de oliveiras de caminhos públicos, a partir de Novembro, quando a azeitona ficava mais madura. Quando juntavam uns 100 ou 150 quilos ião ao lagar trocar por azeite, em que seriam fritas as filhoses. A farinha era obtida de forma semelhante. No Verão, depois da ceifa, ião ao restolho apanhar as espigas que eram desperdiçadas e cujo grão acabava por ser trocado por farinha na moagem.

Receita

Ingredientes:

  • 1 kg de abóbora-menina
  • 1,25 kg de farinha de trigo
  • 50 gr de fermento de padeiro
  • 1 cálice de aguardente;
  • azeite (q.b.) para fritar
  • canela (q.b.)
  • açucar (q.b.)

Preparação:

Descasque a abóbora, retire-lhe as sementes e corte-a em cubos regulares. Coloque a abóbora a cozer. Quando esta estiver cozida, retire-a da água, escorra-a muito bem e deixe-a arrefecer ligeiramente. Misture-a com a farinha num alguidar e amasse tudo muito bem em conjunto. Dilua o fermento num pouco de água da cozedura da abóbora. Junte o fermento diluído e a aguardente à massa, trabalhando-a muito bem. Depois de bem amassada, deixe levedar dentro do alguidar, tapada com um cobertor de lã em local morno e sem correntes de ar. Quando a massa estiver bem lêveda, coloque ao lume uma frigideira com azeite, o qual deve ficar bem quente, e comece a fritar, deitando a massa com a ajuda de duas colheres. Depois de fritas, passe as filhós por uma mistura de canela e açucar. Nota: Também se pode regar as filhós com mel, depois de fritas, em vez de as envolver na mistura de canela e açucar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: